Fórum de Cultura: Fomento e Gestão Cultural

O Fórum de Cultura: Fomento e Gestão Cultural pretende promover o estreitamento dos laços entre a classe artística e o governo municipal, a fim de aumentar a abrangência e o envolvimento em relação ao Fundo Municipal de Cultura (FMC), incluindo a prospecção de canais de financiamento do próprio Fundo.

Tratará também das técnicas e procedimentos necessários para a tramitação de projetos junto às fontes de financiamento municipais, estaduais e federais (como LIC, FAC, Lei Rouanet e SICONV)

para que, tanto o setor público como o empreendedor cultural possam ter boas condições de disputar as fontes públicas e privadas de financiamento para o setor cultural.

 

O Fórum pretende debater e oportunizar, de forma gratuita, aos artistas, produtores culturais, servidores públicos e demais interessados, informações sobre temas como políticas públicas, economia da cultura e gestão de projetos culturais, a fim de melhorar a qualidade dos projetos apresentados aos órgãos de financiamento para cultura e turismo e esclarecer os trâmites junto às fontes financiadoras, nos níveis municipal, estadual e federal.

 

O Fórum de Cultura: Fomento e Gestão Cultural é uma realização da Prefeitura de Santa Rosa, através da Secretaria de Desenvolvimento de Cultura e Esporte, com o apoio do Sesc Santa Rosa.

 

Programação:

8h: Acolhimento

 

9h: Ato de abertura

 

9h30min: Economia da Cultura

Painelista: Antônio Alfredo Bertini de Torres Bandeira

Alfredo Bertini é economista e produtor cultural. Foi Secretário do Audiovisual e Secretário de Infraestrutura do Ministério da Cultura, além de Presidente da Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj), de Recife (PE). É autor do livro Economia da Cultura.

 

13h30min: Políticas Públicas

Painelista: Beatriz Araújo

Beatriz Araújo é produtora cultural, foi Secretária de Cultura da cidade de Pelotas e atualmente é a Secretária de Estado da Cultura do Rio Grande do Sul.

 

15h30min: Gestão de Projetos Culturais

Painelista: Fernando Keiber

Fernando Keiber é músico, produtor cultural e foi responsável pelo Setor de Tomada de Contas da Lei de Incentivo à Cultura Estadual (LIC-RS).

 

Alberto Bertini

Alberto Bertini explanará sobre a Economia da Cultura, ou seja, a importância da cultura nos diversos fluxos da economia, abordando temas como entretenimento, turismo, esporte, mercado do audiovisual, além de apresentar os entraves e os avanços conquistados ao longo do tempo nesses segmentos, seja com relatos de seu livro (lançado pela Editora Saraiva), estudos e as experiências adquiridas junto ao Ministério de Cultura (MinC).

 

Destacamos o seu trabalho como Secretário Nacional do Audiovisual do Ministério da Cultura, no qual fez parte do Conselho Nacional de Políticas Culturais, do Conselho Nacional de Incentivo à Cultura, do Conselho Superior de Cinema e do Comitê Gestor do Fundo Setorial do Audiovisual.

 

Bertini foi criador e gestor do projeto Festival de Cinema do Recife, que posteriormente passou a se chamar Cine-PE, tendo uma atuação há mais de 25 anos na área de audiovisual, tanto como palestrante como fazendo parte de entidades representativas do setor. Igualmente, o excelente trabalho desenvolvido como Secretário Nacional de Infraestrutura Cultural do Ministério da Cultura (setembro/17 a maio/18), onde ele atuou em vários projetos de recuperação física de equipamentos culturais públicos, seja do Ministério, de Governos Estaduais ou de Prefeituras. Igualmente no cargo, operou a gestão do projeto de implantação dos Centros de Artes e Esportes Unificados do Governo Federal (CEUs), coordenando a entrega das obras de 22 CEUs, espalhados pelas cinco regiões do Brasil, inclusive a unidade de Santa Rosa, onde se fez presente na inauguração, em março de 2018.

 

 

Beatriz Araújo

Beatriz Araújo explanará sobre Políticas Públicas, ou seja, as ações e programas desenvolvidos pelo Estado na área da Cultura.

 

Beatriz Araújo é a Secretária de Estado da Cultura do Rio Grande do Sul. Iniciou suas atividades na área cultural aos 22 anos, como assessora da presidência na Fundação de Cultura, Lazer e Turismo de Pelotas, sua cidade natal. De 1988 a 1992 esteve na direção do Theatro Sete de Abril. Em 1992, iniciou a trajetória como produtora cultural independente. Trabalhou no restauro do prédio da Bibliotheca Pública Pelotense, recuperação e modernização do Theatro Sete de Abril e aquisição e restauro integral da casa de João Simões Lopes Neto.

 

Duas vezes secretária de Cultura de Pelotas, criou o Conselho Municipal de Cultura e o Sistema Municipal de Museus. Entre 2015 e 2016, produziu projetos referentes ao Biênio Simoneano, como a exposição sobre vida e obra do escritor pelotense em Porto Alegre, e criação e instalação no Centro Histórico de Pelotas de escultura em tamanho natural do escritor. Em 2018, coordenou a 11ª Bienal do Mercosul e a fase inicial de restauração da Casa de Garibaldi, em Piratini.

 

 

Fernando Keiber

Fernando Keiber explanará sobre Gestão de Projetos Culturais, ou seja, quais as técnicas e procedimentos necessários para que o empreendedor cultural possa disputar as fontes públicas e privadas de financiamento do setor.

 

Fernando é especialista na tramitação de projetos junto às fontes de financiamento municipais, estaduais e federais (Incentivo à Cultura pela isenção do ICMS – Lei nº 13490/10, Convênios e Fundo de Apoio à Cultura (FAC), Lei Rouanet – Lei nº 8313/91, Sistema de Cadastro Único (SICONV). Possui extensa experiência profissional na área da cultura, seja como músico, compositor, promotor cultural, além da grande experiência adquirida pelo trabalho realizado frente ao Setor de Tomada de Contas da Lei de Incentivo à Cultura Estadual (LIC), de 2005 a 2008, tendo sido Chefe de Divisão do Setor Contas nos anos 2007-2008. Em 2013 trabalhou na cidade de Pelotas ajustando o Pró-Cultura Municipal, programa similar ao Fundo Municipal de Cultura de Santa Rosa. De 2015 a 2017 foi Presidente da Associação dos Produtores Culturais do RS (APCERGS).

 

 

Compartilhar